Dicas

Como se faz: Identidade visual

Escolher o convite e a papelaria do casamento pode parecer simples, mas é algo trivial durante a organização do evento. Isso porque muitos casais desejam transmitir toda a emoção e energia da festa desde o momento que o convidado recebe o convite e, para isso, cada detalhe é muito importante.
 
Nessa etapa, a identidade visual se mantém como uma forte tendência, já que ela reúne elementos cheios de significados para os noivos para tornar o casamento ainda mais único. E como se cria o símbolo da união? Quem conta sobre esse processo para a gente são nossas parceiras Isabela Pahins e Vanessa Mageski, da Papelita.
 
Segundo Isabela e Vanessa, a identidade visual traduz o estilo do casamento e todo o processo de criação começa com uma conversa com os noivos para conhecer a história, o estilo e o comportamento dos noivos. A partir daí é definida a primeira peça da identidade visual, o monograma, um tipo de “selo” do casamento.
 
Ele é o ponto de partida para as outras peças de papelaria, como convite, lágrimas de alegria, kit banheiro, sabonete líquido, placa para fotos, placa “Para sempre”, bolinha de sabão, placas sinalização do local, lembrança para padrinhos, placa para mesa “Reservado”, porta aliança, tag para carro e adesivos, entre outras peças.
 
Foi assim com nossos noivos Renata e Neguin, que casaram em 2014. Eles formam um casal bem simpático e nada formal, fãs do estilo praiano, especialmente durante a tarde. Essa foi a base para criar uma identidade visual para o casamento bem descontraída, com cores leves e totalmente personalizado. Ficou lindo! Veja nas fotos!
 

Índice